Embalagens Biodegradáveis

10 set
2015

O futuro nas embalagens biodegradáveis

Já parou para pensar que não é muito sensato que uma caixa de leite pode demorar muitos anos para se decompor, enquanto que o próprio leite amarga depois de uma semana? Todos os dias, cada brasileiro gera em média 1,1 kg de lixo. Se multiplicarmos isso pela nossa população, quase 194 milhões de habitantes, chegamos ao resultado de preocupantes 213 milhões de quilos de resíduos produzidos diariamente no Brasil. Sim, a caixa de leite que acabou no café da manhã e a embalagem da bala que você comeu hoje depois do almoço entram nessa conta.

A partir desse problema, o estúdio de design sueco Tomorrow Machine lançou um desafio entre seus designers: Criar uma série de embalagens bonitas e funcionais, porém feitas de matérias primas que tivessem o mesmo “tempo de vida” das comidas que abrigam. O nome dado ao projeto foi “This Too Shall Pass”, que traduzido soa algo como “Isso também deve ir embora”, e o resultado inovador você confere a seguir:

– Essa embalagem aqui é feita de apenas dois componentes: Gel de Agar Agar, um tipo de alga marinha, e água. Ideal para bebidas que possuem pouco tempo de validade e precisam ser refrigeradas, como sucos frescos e batidas. Para “abrir” a caixinha, basta apertar um canudo contra o gel. A embalagem se decompõe alguns dias depois.

embalagens biodegradáveis

 

– Essa outra embalagem foi feita para armazenar alimentos secos, como o arroz e demais grãos. O material utilizado aqui foi a cera da abelha, que também é biodegradável, prensada a uma espessura tão fina que fica parecida com uma casca de fruta. Para abrir é só “descascar”.

 

– Acredite se quiser, mas essa embalagem aqui é feita de açúcar caramelizado e cera. Para abrir, basta quebrá-la, como se estivesse abrindo um ovo. Quando você faz isso, a cera se desprende do açúcar e a embalagem se derrete quando em contato com água. Foi projetada para guardar alimentos oleosos, como os azeites.

Via: Blog 3m

 

Thiago Martins
author

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *